Opinião

07.08.2009

Sons e cenas da reconciliação na cerimônia de Hiroshima

Manhã de 6 de agosto. Enfim, o grande dia. Cheguei ao Memorial da Paz de Hiroshima. Estava em cima da hora, mas ainda tinha alguns minutos. Tive dificuldades de encontrar a área de credenciamento da imprensa. As indicações escritas apenas em japonês dificultavam nossa orientação e a de nosso guia, um jovem estadunidense que fazia intercâmbio no Japão. »

05.08.2009

Caça aos imigrantes ilegais

O Japão em crise mostra seus extremos: por um lado se torna cada vez mais rigoroso com os trabalhadores estrangeiros; por outro, mantem sua organização e eficiência. Na cobertura especial das cerimônias e eventos das bombas de Hiroshima e Nagasaki, que começam hoje, dia 5 de agosto, relato a experiência nos dias prévios para dar um contexto do pais no momento atual. »

04.08.2009

Segunda queda do Império do Sol Nascente

A crise econômica mundial que começou em Wall Street no ano passado, explodiu no arquipélago japonês com mais potência que em qualquer outro país. Explosão igual a essa, o Japão sentiu pela ultima vez com o lançamento das duas bombas nucleares de 1945 sobre as cidades de Hiroshima e Nagasaki. Agora as primeiras vitimas da crise são os imigrantes. »

02.08.2009

A necessidade de um pacifismo radical

Antes de viajar para as cerimônias de Hiroshima e Nagasaki, refleti qual seria a prioridade dos pacifistas na atualidade. Para buscar a resposta, me perguntei qual poderia ser a violência mais brutal contra os seres humanos? De imediato veio a imagem da detonação de uma bomba nuclear sobre a população de alguma cidade do mundo. »

14.07.2009

Combatendo o vício nuclear: por que precisamos de um mundo livre de armas atômicas

Como o presidente Barack Obama e outros líderes mundiais tem conversado ultimamente sobre a construção de um mundo livre de armas nucleares, é hora de considerar se isso seria uma boa idéia. Conheça seis razões para convencer sobre a importância da abolição das armas nucleares. »

02.07.2009

O novo paradigma internacional do século 21

Durante a inauguração do Parque de Estudo e Reflexão Toledo, na Espanha, o porta-voz internacional da Marcha Mundial pela Paz e pela Não Violência faz um discurso em que ressalta a proposta de eliminação das guerras e dos armamentos nucleares como condições para o surgimento de um novo paradigma de sociedade. "Entende-se que eliminar as guerras é a condição de partida para que haja uma “nação humana universal”. No caminho até este objetivo é que surge esta Marcha Mundial (MM), que hoje conta com o apoio de mais de 2000 organizações e cerca de um milhão de adesões", disse. Confira o pronunciamento na íntegra. »

28.06.2009

Presidente deposto em Honduras defendeu democracia direta e não violência em recente discurso na OEA

Manuel Zelaya Rosales, deposto ontem, 28 de junho, por um golpe de estado que tomou a presidência de Honduras, previa problemas com a oposição. Em discurso realizado na abertura de sessão da Organização dos Estados Americanos (OEA) no começo do mês, quando defendeu a realização de uma consulta popular para a instalação de uma Assembléia Constituinte, fez referência à reação de seus opositores. Em nosso país criou-se demasiada oposição interna simplesmente por querer que o povo opine em uma pesquisa", disse. »

20.06.2009

Uma proposta concreta de paz para o mundo

A agência Pressenza resgata um artigo do ativista e religioso brasileiro Frei Beto no qual faz uma proposta surpreendente de devolução de todos os territórios ocupados. Para o ex-assessor e amigo pessoal de Lula e Fidel Castro, os EUA não deveriam apenas retirar as tropas do Iraque, mas também devolver o Texas, a Califórnia e o Arizona ao México, e Porto Rico aos porto-riquenhos, além de restrituir aos cubanos a base naval de Guantánamo. »

16.06.2009

‘Acabamos de legalizar centenas de milhares de imigrantes’

Presidente Lula reforça o exemplo brasileiro de tratamento aos imigrantes em discurso no Conselho de Direitos Humanos da ONU. Ele critica a visão de culpar os imigrantes e pobres pela crise mundial. "Os responsáveis pela crise são os mesmos que por muito tempo sabiam como ensinar a administrar os Estados", disse. »

07.06.2009

Pelosi pressiona os democratas antibelicistas para que apóiem o projeto de fundos em favor da guerra

No Congresso, os líderes democratas da Câmara estão pressionando os democratas antibelicistas para que apóiem um projeto de lei que prevê um complemento de 106 bilhões de dólares para os fundos destinados a guerra. Em maio, 51 democratas opositores a guerra se opuseram a uma versão anterior do projeto. »

Boletim diário

Indique o seu e-mail para subscrever o nosso serviço diário de notícias.


Greve Internacional Feminista

Milagro Sala

Canale youtube

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

Arquivo

Except where otherwise note, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.