Gerardo Femina

Ex-presidente da Comunidade para o Desenvolvimento Humano na Itália, envolvido em atividades sociais, políticas e culturais. Durante 20 anos ele viveu em Praga, onde esteve entre os promotores da campanha "Europa pela Paz" e do protesto contra o chamado Missile Shield, que os Estados Unidos queriam instalar na República Tcheca. Ele escreve sobre política e assuntos sociais. Nos últimos anos, dedicou-se à construção do Parque de Estudo e Reflexão na República Tcheca.

Qual é o papel da OTAN, da Europa e dos cidadãos invisíveis no conflito na Ucrânia

De um lado, a Ucrânia, entre os Estados Unidos e alguns de seus aliados; do outro, a Federação Russa. As tensões desse conflito estão se desenvolvendo dentro de um contexto muito complexo, no qual vários fatores desempenham um papel importante.…

Europa pela paz. Pelo fim da guerra na Ucrânia

A escalada do conflito na Ucrânia envolvendo os Estados Unidos e seus aliados, de um lado, e a Rússia, de outro, deve ser imediatamente interrompida. As consequências de um conflito na Ucrânia seriam desastrosas. Por esse motivo, estou publicando a…

Emoção e reflexão em Praga: 25 mil cruzes para os que não verão o fim da pandemia

Em 22 de Março, 25 mil cruzes foram espalhadas na praça da Cidade Velha, em Praga, para lembrar os mortos de covid durante um ano de pandemia. A República Checa, que na primeira onda quase não foi afetada pelo vírus,…

Vacina cubana pronta em julho. Entrevista com o Embaixador cubano na República Tcheca

Em todo o mundo, há uma luta para vencer a pandemia da covid-19. Existem avanços importantes, mas, infelizmente, também há grandes contradições e atrasos no combate a esse problema. Soubemos que Cuba está trabalhando para produzir uma vacina contra a…

COVID-19: uma catástrofe anunciada. O caso da República Checa

Após a flexibilização no verão das medidas para conter a propagação do contágio da COVID-19, a epidemia está explodindo em toda a Europa. Isso era bastante previsível e as advertências de muitos epidemiologistas passaram despercebidas. A Itália, que se manteve…