Rafael de la Rubia

Spanish Humanist. Founder of the Organization World without Wars and Violence and spokesperson of the World March for Peace and Nonviolence theworldmarch.org

Conferência preparatória para a 2ª Marcha Mundial pela Paz e pela Não-Violência

Desde o fim da Marcha Mundial pela Paz e pela Não-Violência, há oito anos, muitas questões foram feitas sobre a possibilidade de fazer uma Segunda marcha Mundial. Esta não é uma questão insignificante, já que o mundo de hoje está…

Europa das pessoas ou Europa do capital?

Esta será uma das consultas que se realizarão nas Euromarchas que percorrerão a Europa no próximo mês de outubro. Os acontecimentos recentes em torno a situação do povo grego, e seu momento político, têm demonstrado que as instituições europeias estão…

O novo o momento e a guerra dos mercados

Há indicadores suficientes para interpretar que entramos em um novo momento na esfera internacional. A “Primavera Árabe” que começou na Tunísia e Egito acabou se estendendo para países de vários continentes: desde os indignados da Espanha e Grécia ao Chile, onde os estudantes estão lutando por educação gratuita e de qualidade por meio de massivas demonstrações não violentas.

O novo paradigma internacional do século 21

Durante a inauguração do Parque de Estudo e Reflexão Toledo, na Espanha, o porta-voz internacional da Marcha Mundial pela Paz e pela Não Violência faz um discurso em que ressalta a proposta de eliminação das guerras e dos armamentos nucleares como condições para o surgimento de um novo paradigma de sociedade. “Entende-se que eliminar as guerras é a condição de partida para que haja uma “nação humana universal”. No caminho até este objetivo é que surge esta Marcha Mundial (MM), que hoje conta com o apoio de mais de 2000 organizações e cerca de um milhão de adesões”, disse. Confira o pronunciamento na íntegra.

Desarmamento nuclear: o primeiro passo para um mundo em paz

Começam a surgir sinais de diversos setores sobre a urgência do desarmamento nuclear, principal objetivo da Marcha Mundial pela Paz e pela Não-violência.

Paremos a guerra do Iraque e todas as guerras

O Mundo sem Guerras realizará ações de protesto em diversas cidades e países neste 6º aniversário de uma guerra que nunca deveria ter começado. Protestamos naquele momento e hoje fazemos isso com mais força e autoridade moral, com base em centenas de milhares de mortes que poderiam ter sido evitadas, além do sofrimento de um país inteiro que continua um verdadeiro inferno.