Uma captura do vídeo de Manu Chao no Twitter #LiberteAssange está invadindo as redes sociais enquanto os apelos para a libertação de Julian Assange e contra a extradição dele para os EUA se multiplicam. Cidadãos comuns, que estão pedindo pela proteção da liberdade de imprensa e de Julian Assange, elevam as vozes todos os dias com jornalistas, artistas, advogados, políticos e acadêmicos.

Manu Chao postou seu apelo em sua conta no Twitter dizendo:

Em um apelo desesperado, Edward Snowden, o delator de interesse público da ASN(Agência de Segurança Nacional), que está sendo perseguidos pelos EUA mas que tem asilo garantido na Rússia e lá reside, pediu ao presidente Trump que libertasse Assange. Ele escreveu no Twitter: “Senhor presidente, se você conceder apenas um ato de clemência durante seu mandato, por favor liberte Julian Assange. Somente você pode salvar a vida dele.”

Twitter: “Senhor presidente, se você conceder apenas um ato de clemência durante seu mandato, por favor liberte Julian Assange. Somente você pode salvar a vida dele.”

“Eu sou#JulianAssange pois eu poderia ser o próximo e você também. Você quer o seu #governo dizendo aos jornalistas, em qualquer lugar do mundo, o que eles podem ou não publicar?”

Por sua vez, Oliver Stone, o premiado diretor americano, em uma foto sua segurando o slogan “Eu sou Julian Assange” pede o fim da censura aos jornalistas. A próxima audiência em Londres sobre o caso da extradição de Assange para os EUA está marcada para acontecer em 11 de dezembro, enquanto a decisão deverá ser anunciada dentro de um mês, em 4 de janeiro de 2021.

Artigos relacionados:

Pressenza’s Campaign 1’4Assange: Varoufakis on the Offensive for the Defense of Assange (video)

Juan Branco: The Greek people to apply pressure for the granting of asylum to Julian Assange.

Julian Assange is being held in severe conditions according to a report by the UN Rapporteur

Um apelo ao protesto de Julian Assange – the court hearing for his extradition starts on 24/2.

_________________________________________________________________________________________

Traduzido do inglês para o português por Mariana Batistetti/ Revisado por Luciana de Carvalho Leal