Dez documentários para entender a crise do sistema prisional

24.01.2017 - Brasil - Outras Palavras

Dez documentários para entender a crise do sistema prisional
Superlotação nos presídios, quarta maior população carcerária do mundo e uma taxa de encarceramento que cresce de modo explosivo. Como enfrentar esse inferno brasileiro? (Crédito da Imagem: Outras Palavras)

Por Cauê Seignemartin Ameni/Outras palavras

As chacinas no Complexo Penitenciário Anísio Jobim, em Manaus (AM), e na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, em Boa Vista (RR), reacenderam o debate sobre a falência do sistema prisional brasileiro. Segundo os últimos dados levantados pelo Sistema Integrado de Informações Penitenciárias do Ministério da Justiça (Infopen), divulgados em 2014, o Brasil chegou à marca de 607,7 mil presos, ante 581 mil do ano anterior. Desta população, 41% aguardam atrás das grades seu julgamento. Ou seja, um sistema em que há 222 mil pessoas presas sem condenação.

Além disso, há uma superlotação aberrante: as vagas nos presídios não são suficientes. Há apenas 376,7 para os 607 mil presos, aponta o relatório.

O Infopen também lançou, em 2015, um relatório especial para traçar um recorte de gênero sobre a questão. Entre 2000 e 2014, o crescimento da população carcerária feminina apresentou um salto de 567,4% — enquanto a dos homens foi de 220,2%. O relatório aponta que esta explosão no encarceramento feminino está relacionado ao tráfico, enquanto o encarceramento dos homens tem mais incidência em crimes como roubo.

Em aspecto global a situação não é nada animadora: o país tem a quarta população carcerária do mundo, atrás apenas de Estados Unidos, China e Rússia, com crescimento explosivo. Segundo levantamento da World Prison Brief (WPB), o ritmo de crescimento da população carcerária brasileira só foi superado, nas duas últimas décadas, pelo do Cambodja e El Salvador. Se a tendência continuar, a população carcerária brasileira tomará o posto, em números absolutos, da Rússia, onde o número de presos está caindo — de 866 mil em 2010 para 708 mil, em 2012.

Por que o encarceramento maciço continua neste ritmo? Por que a postura do Judiciário é preconceituosa e a criminalização da pobreza se alastra pelo país? Como a “guerra às drogas” inunda as cadeias?

Para entender essa realidade infernal e expor as entranhas do sistema penal, selecionamos 10 documentários disponíveis logo abaixo. Publicamos também um relatório da Conectas com 10 medidas para solucionar o fracasso que tem sido a política de encarceramento catastrófica que vive o país.

1) Quanto mais presos, maior o lucro

2) As Mulheres e o Cárcere

3) Tortura e Encarceramento em Massa no Brasil

4) Sem pena

5) Pelo Direito de Recomeçar

6) Juízo (Jovens infratores no Brasil)

7) O Cárcere e a Rua

8) Entre a luz e a sombra – Carandiru

9) O Prisioneiro da Grade de Ferro

10) (A.H.F) Justiça

Categorias: Ámérica do Sul, Direitos Humanos
Tags: , , , , , , , , , , , ,

Boletim diário

Indique o seu e-mail para subscrever o nosso serviço diário de notícias.


Milagro Sala

Canale youtube

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

Arquivo

Except where otherwise note, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.