Mastodon

não violencia

“Revolução dos Cravos” em Portugal: “Um desses momentos mágicos da História em que parece possível mudar o mundo”!

Este artigo faz parte da série “5o anos depois: VIVA a REVOLUÇÃO DOS CRAVOS!” que a PRESSENZA está a publicar desde meados de Março 2024. A “Revolução dos Cravos” 1974-75 trouxe aos portugueses a liberdade após 48 anos de fascismo, e às…

Sofia Orr, jovem objetora de consciência israelense: “A minha geração não nasceu para matar ou ser morta”

Sofia Orr foi condenada na semana passada a uma segunda pena de 20 dias numa prisão militar por se ter recusado a alistar no exército israelense. Aqui está uma carta que ela escreveu sobre os disparos contra palestinos que tentavam…

Conflito israelense-palestino: a violência não resolve nada!

Pode ser trivial para algumas pessoas, mas neste momento trágico e confuso de escalada militar e propaganda, acredito que é importante reiterar um conceito simples: Nada pode ser resolvido com violência! Esta não é apenas minha declaração, mas uma voz…

Foi adiada A primeira audiência do pacifista ucraniano Yurii Sheliazhenko

A primeira audiência do julgamento do pacifista ucraniano nãoviolento Yurii Sheliazhenko, que deveria ter tido lugar ontem, 20 de setembro, foi adiada para 3 de outubro, informou a equipa de defesa. O Ministério Público não compareceu na audiência, o que…

VIVA o 25 DE ABRIL!

Põe um cravo na janela Um segundo na lapela E um terceiro no fuzil. Jura com sinceridade Defender a liberdade E trazer de novo Abril. (Manuel Campos)   Cartaz do 25 Abril 1974 em Portugal (Sérgio Guimarães)    Esta é…

Notas para o renascimento

As saudações de Páscoa se multiplicam em mensagens de texto e e-mails enquanto o mundo continua em seu turbilhão de crises, violência e tolices. Já o dissemos várias vezes, o velho mundo está partindo, com seus flashes de cauda dos…

Portugal: Atividades pela Paz e a Não-Violência

Respondendo ao apelo do coletivo “Europe for Peace”, que pode ser lido aqui, um grupo de ativistas humanistas promoveu uma concentração pela paz e a não-violência no centro da cidade do Porto, em Portugal, durante uma parte da tarde do…

Em 2 de abril, vamos também acender a paz em nosso interior

Quem, por vezes, em momentos de medo, dificuldade e desânimo, não pediu ajuda em seu interior, de acordo com suas crenças, a um ente querido que é ou foi um exemplo para eles, um guia, uma divindade, a quem dirigiram…

No dia 2 de Abril de 2023: Tomemos a PAZ nas nossas próprias mãos!

Na Europa, Ucrânia, Rússia e em todo o mundo, as pessoas só querem a paz, enquanto os nossos governos exigem cada vez mais armas e militares para a guerra.   Exigimos o direito à saúde, à educação, ao emprego e…

2 de outubro, de Gandhi a Lula

No dia 2 de outubro, o povo brasileiro enfrenta um desafio com enormes implicações. Nesse dia, a população decidirá nas urnas grande parte do seu futuro imediato, elegendo no poder executivo aqueles que ocuparão os cargos de presidente e vice-presidente…

1 2 3 8