Crianças Protestam pelo Direito à Educação

20.03.2018 - Redação São Paulo

This post is also available in: Espanhol, Francês

Crianças Protestam pelo Direito à Educação

Crianças participaram de um protesto na cidade de São Paulo em apoio à greve dos professores municipais. A seguir temos uma entrevista com Anne Rammi, ativista e uma das participantes do movimento Novos Diálogos da Escola Pública, que organizou a marcha dos pequeninos ruma a uma educação de qualidade.

Pressenza Brasil – Qual é a importância das mães apoiaram a greve das professoras e professores da cidade de São Paulo?

Anne Rammi – Além do apoio a greve as mães e pais devem estar juntos dos educadores. Por que o que nos une como interesse essencial é a criança, se nosso elo de educação é a criança pais e mães fazem parte do mesmo grupo, do mesmo tipo de educação de qualidade que nós queremos para elas.

P.B. – Quais são as reivindicações dos docentes municipais da cidade de São Paulo?

A.R. – O arquivamento do PL 621/16 que mexe no salário deles [servidores municipais] e nas prerrogativas de aposentadoria dos mesmos. Um projeto que abre espaço para uma visão privatizadora da educação pública.

P.B. – Tem mais alguma coisa que você gostaria de dizer?

A.R. – Como pais e mães nós apoiamos o direito à greve como um direito constitucional do servidor e do trabalhador. As famílias estão se unindo para promover uma educação respeitadora e laica. A escola pública não é apenas o emprego de professor. Se constitui como um direito inalienável da criança. Nos unimos nessa perspectiva, que é o direito da criança a infância que infelizmente nossa sociedade esquece.

(Imagens – Mídia Ninja)

Categorias: Ámérica do Sul, Educação, Entrevista
Tags:

Boletim diário

Indique o seu e-mail para subscrever o nosso serviço diário de notícias.


Milagro Sala

Canale youtube

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

Arquivo

Except where otherwise note, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.