REHUNO - Red Humanista de Noticias en Salud

REHUNO (Rede Humanista de Noticias em Saúde) é um grupo de voluntários de diferentes países, profissionais de saúde e/ou usuários de serviços de saúde, que querem dar voz a uma "visão humanizadora" dos sistemas de saúde a partir de uma perspectiva ampla e abrangente. REHUNO quer colocar em palavras e imagens as notícias positivas que precisam ser destacadas e as notícias negativas que precisam ser denunciadas e acontecen diariamente. http://rehunosalud.org/

Como estão as mulheres após dois anos de Pandemia?

Antes que o mês de março termine propomos, desde REHUNO Salud, uma revisão sobre qual a situação atual das mulheres no mundo (quase) pós pandêmico. Por Flavia Estevan Iniciaremos esse artigo afirmando que no geral as mulheres estão mais pobres,…

Mutilação genital: resquícios de um passado que não pode seguir existindo no presente e (muito menos!) no futuro

Por Flavia Estevan (Brasil) y Karla Mijangos Fuentes (México) A mutilação genital é uma prática que ainda é realizada em aproximadamente 30 países do mundo. A maior parte desses países estão na África e no Oriente Médio, porém o costume…

Humanismo, saúde e meio ambiente

Por Florbela Catarina Malaquías Quando, no campo humanista, dizemos que o ser humano é valor central, estamos a considerar a sua dignidade e os seus direitos humanos que são também garantias para proteger uma vida de boa qualidade com saúde…

Redução no nível do rio Paraná, causas e efeitos

As causas da situação crítica dos baixos níveis do rio Paraná, que implicam em graves problemas e consequências para as populações ribeirinhas e ecossistemas que vivem nele. Sua saúde e subsistência estão comprometidos. Por Laura Hernández O rio Paraná é…

Protetoras da vida 01- Dona Madalena: Ubatuba- Brasil

Por Flavia Estevan Esta série tem como objetivo contar as histórias e trajetórias de mulheres que desempenham um papel de cuidado, proteção e saúde nas comunidades em que vivem. Algumas delas tiveram acesso à educação escolar e outras aprenderam com…

Investir em parteiras pode salvar 4,3 milhões de vidas até 2035

Por Flavia Estevan Em maio é celebrado em todo o mundo o Dia Internacional das Parteiras (05/05) e o Dia Internacional da Enfermagem (12/05). Neste ano, a Federação Internacional das Parteiras celebrou a data com o lema: “Investir em parteiras…

Nascimento, morte e o sentindo da vida

Os seres humanos na diversidade, temos em comum o nascimento e a morte. Dois momentos significativos que podemos experimentar também acompanhado de outras pessoas. Se estas etapas forem abordadas de forma aberta e integradora, elas podem ser vivenciadas como uma…

Feminismos que humanizam 06 – Jacob Sifuentes

Por Karla Mijangos Fuentes A série “Feminismos que humanizam” é uma sequência de entrevistas, nas quais as pessoas dedicadas às diferentes áreas da construção de uma saúde integral contam como o feminismo mudou sua visão e sua forma de atuar…

Uma Oportunidade (quase) perdida

Por Víctor Piccininni Completamos um ano aproximadamente de transitarmos por um trágico acontecimento de nivel mundial: a pandemia do Covid-19. O mundo ficou em “silencio”: ruas desoladas, governos desorientados, homens e mulheres refugiado nas suas casas, poderosas pessoas apavoradas, escolas…

Quando a origem não é o destino

Por Claudia Mónica García Era hora de revelar identidades. Houve pesquisas que exigiram isso. Ela havia partido, eles não fariam mais perguntas, nem ela precisaria se lembrar das paixões ou do ambiente. Seu pai havia jogado seu amor, mesmo sem…

1 2 3 4