Lula: Brasil está sendo destruído por um Governo de traidores

04.09.2019 - Brasilia, Brasil - Prensa Latina

Lula: Brasil está sendo destruído por um Governo de traidores
(Crédito da Imagem: Prensa Latina)

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva denunciou hoje que o Brasil está sendo destruído por um Governo de traidores, com a entrega criminosa a estrangeiros de empresas estatais, bancos públicos, do petróleo e da mineração.

‘Até a Amazônia está ameaçada por um Governo que não sabe e não quer defendê-la, que incentiva a desmatamento, não protege a biodiversidade nem o povo que depende do bosque vivo’, escreveu Lula em uma carta.

A carta foi lida nesta quarta-feira pelo ex-candidato presidencial Fernando Haddad na Câmara dos Deputados durante um ato político em defesa da soberania nacional e popular, o emprego e contra a privatização.

O ex-dirigente operário descreveu a prática antinacional de Bolsonaro como uma ‘onda de rendição e privatização depredadora’ e alertou aos grupos econômicos que se aproveitam da situação para comprar o patrimônio público brasileiro, formado durante décadas.

Segundo o fundador do Partido dos Trabalhadores, a entrega não durará para sempre e ‘o povo brasileiro encontrará os meios para recuperar o que lhes pertence. E saberá como denunciar os crimes de quem traem, entregam e destroem o país’.

Em sua carta, o ex-sindicalista afirmou que nenhum país cumprirá seu destino se não constrói seu próprio futuro, criticando assim a submissão do Executivo de extrema direita de Bolsonaro aos ‘governantes de outros países e seus interesses econômicos, militares e políticos’.

Advertiu que ao longo da história, Brasil criaram grandes empresas como Petrobras, Eletrobras, Embrapa (Empresa Brasileira de Investigação Agropecuária), bancos públicos, mas estes ‘avanços estão ameaçados de desaparecer com o atual Governo’.

Qualificou de traição indescritível ‘matar a BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), vender o Banco do Brasil e debilitar a Caixa Econômica, indispensável para o desenvolvimento sustentável, a agricultura e a moradia’.

Assinalou assim que os ataques do Governo do ex-militar às universidades públicas são também contra a soberania nacional, pois um país que não produz conhecimento ‘sempre será submisso e dependerá das inovações criadas por outros’.

O ex-presidente criticou também Bolsonaro por entregar a política exterior brasileira aos Estados Unidos. ‘Deu-lhes (Estados Unidos), em troca de nada, a Base de Alcântara, (…) degradou a diplomacia a uma questão de família e assessores que dizem que a terra é plana’.

Desde 7 de abril de 2018, Lula cumpre prisão política por supostos fatos de corrupção, acusações que nega a todo momento.

Categorias: Ámérica do Sul, Política
Tags: , ,

Boletim diário

Indique o seu e-mail para subscrever o nosso serviço diário de notícias.


Documentário 'RBUI, o nosso direito de viver'

O Princípio do fim das armas nucleares

2a Marcha Mundial da Paz e da Não-violência

Milagro Sala

Canale youtube

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

Arquivo

Except where otherwise note, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.