No âmbito do IV Fórum Humanista Latino-americano “Construindo Convergências”, em Santiago do Chile, foi lançada na sexta-feira, 10 de maio, a versão espanhola do filme “O Princípio do Fim das Armas Nucleares“.

O documentário trata dos esforços para acrescentar ao corpo do direito internacional um tratado de proibição de armas nucleares, conferindo-lhes o mesmo status de ilegitimidade que se aplica às armas químicas e biológicas. Também mostra os papéis fundamentais de várias organizações como a Campanha Internacional pela Abolição das Armas Nucleares, a ICAN -que ganhou o Prêmio Nobel da Paz em 2017- e o Comitê Internacional da Cruz Vermelha, entre outras. A história é contada através das vozes de ativistas proeminentes de vários países e do presidente da conferência de negociação de tratados.

O documentário de 59 minutos – especialmente preparado para Pressenza – contou com o trabalho em equipe do diretor Álvaro Orús – cujos títulos anteriores incluem “Renda Básica Universal e Incondicional: Nosso Direito a Viver” e “Além da Vingança” – e do produtor Tony Robinson, co-diretor de Pressenza.

O filme leva o espectador através de uma breve história da bomba, bem como do ativismo anti-nuclear que tem impulsionado a eliminação deste tipo de armamento desde sua invenção. Também é considerada a iniciativa humanitária que desafiou com sucesso a narrativa de segurança dominante e os passos históricos dados desde 2010 para transformar o tratado de um sonho em realidade. Finalmente, propõe o que pode ser feito por qualquer pessoa que queira ajudar o tratado a entrar em vigor e a erradicar as armas nucleares.

Após a estréia no Chile, tivemos a oportunidade de entrevistar algumas das pessoas que participaram, assim como o diretor e produtor do documentário. Vídeo de: Gerardo Femina.

Espera-se que o documentário aumente os esforços dos ativistas da ICAN para que o tratado de proibição de armas nucleares entre em vigor o mais rápido possível. O material é oferecido gratuitamente a qualquer pessoa que queira exibi-lo publicamente. Para mais informações tony.robinson@pressenza.com.

A versão em inglês será lançada no dia 6 de junho em Nova York como parte do simpósio “Perspectivas da Utopia: Mulheres, Riqueza e Armas“.