Boris Johnson responde na Justiça por “mentir” sobre Brexit

29.05.2019 - Londres - Deutsche Welle

Boris Johnson responde na Justiça por “mentir” sobre Brexit
Boris Johnson (Crédito da Imagem: Andrew Parsons/Parsons Media)

Ex-ministro do Exterior e favorito à sucessão de Theresa May é intimado a comparecer a um tribunal, acusado de ludibriar eleitores na campanha para o referendo que resultou na saída do Reino Unido da UE.

O conservador britânico Boris Johnson, favorito à sucessão da primeira-ministra Theresa May e um dos mais ferrenhos defensores do Brexit, foi intimado nesta quarta-feira (29/05) a comparecer perante um tribunal sob a acusação de mentir durante a campanha para o referendo que resultou na saída do Reino Unido da União Europeia (UE).

O ex-ministro britânico do Exterior e ex-prefeito de Londres é acusado de mentir ao afirmar que o Reino Unido lucraria semanalmente 350 milhões de libras (397 milhões de euros) com a saída do país da UE. O valor foi estampado na lateral de um ônibus bastante utilizado durante a campanha, e se tornou um ponto central e controverso do debate em torno do Brexit.

Os críticos afirma que a extensa divulgação desse valor durante a campanha tinha o objetivo de ludibriar deliberadamente os eleitores. O “não” à UE venceu a consulta popular, em junho de 2016, por 52% a 48% dos votos.

Leia artigo completo

Categorias: Europa, Política
Tags: , , , ,

Boletim diário

Digite seu endereço de e-mail para assinar o nosso serviço de notícias diárias.

O Princípio do fim das armas nucleares

2a Marcha Mundial da Paz e da Não-violência

Documentário 'RBUI, o nosso direito de viver'

Milagro Sala

Canale youtube

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

Arquivo

Except where otherwise note, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.