Rússia aceita pedido e prolonga asilo político de Snowden por mais 3 anos

08.08.2014 - Redação São Paulo

Rússia aceita pedido e prolonga asilo político de Snowden por mais 3 anos

Ex-analista da NSA poderá solicitar cidadania russa após completar cinco anos morando no país

Do OperaMundi publicado pelo Brasil de Fato

A Rússia aceitou o pedido de Edward Snowden, ex-analista da Agência Nacional de Segurança (NSA, na sigla em inglês) dos Estados Unidos, para permanecer no país por mais três anos. O pedido de asilo político temporário foi apresentado pelo advogado russo de Snowden, Anatoli Kucherena, e aprovado pelo Serviço Federal de Imigração da Rússia.

Snowden, que tinha solicitado no mês passado a renovação de seu asilo político na Rússia, aonde chegou em 23 de junho de 2013, poderia obter a cidadania russa após viver neste país durante cinco anos, acrescentou o advogado. Kuchenera explicou também que Snowden “pode mover-se livremente pelo país e viajar ao exterior, mas por um período que não ultrapasse três meses, já que segundo a lei russa as permissões de residência podem ser revogadas”.

Embora nos últimos meses a imprensa tenha sugerido a possibilidade de que Snowden deixe a Rússia com destino a outro país, como o Brasil, Kucherena já tinha antecipado sua intenção de prolongar por um ano a estadia de seu cliente na Federação Russa. Segundo a legislação russa, o asilo temporário, que se concede por um ano, pode ser prorrogado um número ilimitado de vezes se não forem modificadas as circunstâncias que motivaram sua outorga.

O ex-agente da NSA chegou ao aeroporto de Moscou com a intenção de ir para algum país latino-americano, mas se viu obrigado a permanecer na zona de embarque internacional – verdadeira “terra de ninguém” -, de onde pediu asilo a 21 países.

Quatro países latino-americanos ofereceram asilo – Equador, Bolívia, Nicarágua e Venezuela -, mas diante da impossibilidade de viajar foi finalmente a Rússia que lhe concedeu asilo em 1º de agosto de 2013. Snowden, que é acusado pelos EUA de espionagem e traição, encontrou trabalho na Rússia no setor da tecnologia da informação, embora por motivos de segurança seu paradeiro seja mantido em segredo.

Categorias: Asia, Assuntos internacionais, Europa, Internacional
Tags: , , ,

Boletim diário

Indique o seu e-mail para subscrever o nosso serviço diário de notícias.


2a Marcha Mundial da Paz e da Não-violência

Milagro Sala

Canale youtube

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

Arquivo

Except where otherwise note, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.