Depois de superar muitas dificuldades graças a uma impressionante persistência, o movimento indígena chegou a Quito para unir-se à greve nacional no próximo dia 9 de outubro.

Mais informações no link:

https://twitter.com/CONAIE_Ecuador/status/1181384187196198912?s=19

Tradução Karina Rebouças