200 escolas pela paz e não violência

17.09.2019 - Redação São Paulo

This post is also available in: Espanhol, Francês

200 escolas pela paz e não violência

A campanha busca mobilizar escolas de todo o Brasil durante a Segunda Marcha Mundial pela Paz e Não Violência que terá seu início no dia 2 de outubro de 2019. Para entender mais sobre a proposta entrevistamos Vinícius, coordenador do projeto Não Violência nas Escolas. 

O que é o projeto 200 escolas?

 Campanha das 200 Escolas é uma ação de mobilização socioeducativa que pretende incentivar escolas do Brasil a celebrar, estudar e difundir a os Ideais de Paz em base a metodologia da Não Violência.

É uma ação da Marcha Mundial pela Paz e Não Violência, coordenada pelo Projeto Não Violência nas Escolas.

As escolas podem realizar qualquer ação sobre a temática, mas nós incentivamos que aquelas que queiram realizem os Símbolos Humanos da Paz ou da Não Violência. Esses símbolos tem a virtude de mover o corpo a partir de uma intenção coletiva pacifica e não violenta.

Corpos coletivos pedindo pela Paz e Não Violência para o mundo, as culturas, os países, famílias, escolas e também em nossos corações e mentes.

Qual é o principal objetivo deste projeto?

Dar um sinal para toda a sociedade que as escolas estão sintonizadas em uma transformação profunda na cultura violenta em qual estamos imersos.

Mobilizar 200 escolas do Brasil para coletivamente construírem uma nova educação.

O que representa a Marcha Mundial ?

A Marcha Mundial é um momento de mobilização física, mental, cultural e internacional. É um pedido profundo de Paz e Não Violência, com muita alegria, convergência e expectativa de um futuro melhor. 

Como a Educação pode gerar consciência de paz?

A educação como o principal espaço de formação existente hoje, aliado ao fato de que é uma instituição que também está em crise, mas não está padecendo tanto quanto outras instituições na crise geral em que vivemos. Graças a essa resistência, poderá ser a instituição capaz de promover uma ampla cultura de paz e não violência, não só para seus membros, mas para toda a sociedade.

Para participar basta acessar o site ou entre no grupo do whatsapp clicando aqui. 

Categorias: Ámérica do Sul, Direitos Humanos, Diversidade
Tags:

Boletim diário

Digite seu endereço de e-mail para assinar o nosso serviço de notícias diárias.

O Princípio do fim das armas nucleares

2a Marcha Mundial da Paz e da Não-violência

Documentário 'RBUI, o nosso direito de viver'

Milagro Sala

Canale youtube

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

Arquivo

Except where otherwise note, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.