Palestinos e brasileiros pedem luta conjunta contra a Aliança Israel-Bolsonaro

09.12.2018 - Palestina-Brasil - Pressenza London

This post is also available in: Inglês

Palestinos e brasileiros pedem luta conjunta contra a Aliança Israel-Bolsonaro
Palestinos protestam em frente à Embaixada do Brasil em Ramallah

Enquanto o novo presidente do Brasil quer seguir os passos de Donald Trump mudando a embaixada brasileira para Jerusalém, e o novo governador do Rio de Janeiro quer comprar drones israelenses waponizados, os movimentos sociais da Palestina e do Rio de Janeiro exigem uma luta conjunta e global contra o racismo e a militarização.

Nós, movimentos sociais palestinos e de favelas do Rio de Janeiro, resistimos há décadas à militarização de nossas vidas e lutamos diariamente por igualdade, liberdade e justiça. A eleição de Jair Bolsonaro como presidente do Brasil e de Wilson Witzel como governador do Rio de Janeiro deve reforçar ainda mais nossos laços de solidariedade.

Não nos surpreende que a extrema-direita racista, militarista, LGBTQfóbica, machista e anti-indígena que avança no Brasil esteja alinhada com o Estado de Israel, que desde 1948 implementou um brutal regime de apartheid, colonização e ocupação do território contra o povo indígena da Palestina.

Enquanto Jair Bolsonaro anuncia planos de seguir os passos de Donald Trump e mudar a embaixada brasileira de Tel Aviv para Jerusalém, Witzel e o deputado federal Flávio Bolsonaro demonstram interesse em comprar drones israelenses que serão usados para aumentar a repressão e para atirar e matar nas favelas do Rio e outros locais. Há décadas, o povo palestino é utilizado pelo Estado de Israel e empresas cúmplices como laboratório de tecnologias e táticas repressivas e assassinas, as quais são exportadas a todo mundo, inclusive ao Brasil, como “testadas em campo”.

A resposta a esses laços crescentes entre os regimes de extrema direita que desafiam nossas vidas, dignidade e nossos direitos deve ser uma luta unida e global contra o racismo e a militarização. Das favelas cariocas à Faixa de Gaza ocupada e sitiada, das periferias brasileiras aos campos de refugiados palestinos, fazemos um chamado a todos os movimentos sociais e organizações da sociedade civil de todo o mundo para lutarmos juntas e juntos:

  • Por um amplo embargo militar contra o Estado de Israel, em solidariedade ao povo palestino e em defesa dos direitos e das lutas no Brasil – #DroneNão.

  • Pelo fim da intervenção militar no Rio de Janeiro e da militarização que mata e reprime nas favelas e periferias de todo Brasil.

  • Contra o crescente fascismo, racismo e xenofobia no Brasil e no mundo, e pela responsabilização dos Estados, empresas e instituições por graves violações dos direitos humanos.

  • Contra a mudança da embaixada brasileira de Tel Aviv para Jerusalém, e pelo fim do apartheid, colonização e ocupação do Estado de Israel.

Movimentos do Rio de Janeiro

Rede de Comunidades e Movimentos contra a Violência
Rede de Mães e Familiares Vítimas da Violência do Estado na Baixada Fluminense
Fórum de Juventudes do Rio de Janeiro
Fórum Social de Manguinhos
Fórum Grita Baixada
Coletivo Maré 0800
Coletivo Papo Reto
Ocupa Alemão
Coletivo Fala Akari
Coletivo Maré Vive
Julho Negro
Campanha Caveirão Não!
Movimento Negro Unificado (MNU)
Grupo Tortura Nunca Mais – RJ
Comitê Internacional Paz, Justiça e Dignidade aos Povos – Capítulo Brasil

Movimentos palestinos

Comitê Nacional Palestino de BDS (BNC) e todos os seus membros:
Conselho de Forças Nacionais e Islâmicas na Palestina
União Geral de Trabalhadores\as Palestinos\as
Federação Geral Palestina de Sindicatos
Coalizão de Sindicatos Palestinos por BDS (PTUC-BDS)
Rede Palestina de ONGs (PNGO)
Instituto Nacional Palestino de ONGs
Federação Palestina de Sindicatos Independentes
Coalizão Global Palestina pelo Direito de Retorno
Iniciativa da Palestina e Colinas Sírias de Golã ocupadas
União Geral de Palestinos\as Professores\as
Federação Palestina de Sindicatos de Professores e Funcionários Universitários (PFUUPE)
União Geral de Mulheres Palestinas
União Geral de Escritores\as Palestinos\as
União de Fazendeiros Palestinos
Campanha Palestina contra o Muro do Apartheid – Stop the Wall
Campanha Palestina pelo Boicote Acadêmico e Cultural a Israel (PACBI)
Comitê de Coordenação da Luta Popular (PSCC)
Coalizão Civil em Defesa dos Direitos Palestinos em Jerusalém
Coalizão por Jerusalém
Comitê Nacional de Comemoração da Nakba
Sindicato dos Trabalhadores Públicos do Setor Civil na Palestina
União Geral dos Camponeses\as Palestinos\as
União das Organizações de Caridade Palestinas
União das Associações Profissionais
Campanha de Mulheres para Boicotar Produtos Israelenses
Monitor Econômico Palestino
União de Centros de Atividades de Juventude – Campos de Refugiados Palestinos
União de Cooperativas Agrícolas
Comitê Nacional para a Resistência de Base

Categorias: Ámérica do Sul, Direitos Humanos, Nota de imprensa, Oriente Médio
Tags: , , ,

Boletim diário

Digite seu endereço de e-mail para assinar o nosso serviço de notícias diárias.

Documentário 'RBUI, o nosso direito de viver'

O Princípio do fim das armas nucleares

2a Marcha Mundial da Paz e da Não-violência

Milagro Sala

Canale youtube

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

Arquivo

Except where otherwise note, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.