Comitê do Senado dos EUA aprova medida que pede a Obama para armar rebeldes sírios

22.05.2013 - Agencia Brasil

Comitê do Senado dos EUA aprova medida que pede a Obama para armar rebeldes sírios
(Crédito da Imagem: http://bit.ly/10ncBvd)
Washington – O Comitê de Relações Externas do Senado dos Estados Unidos aprovou, nesta terça-feira (21), por larga maioria, uma medida que pede ao governo do presidente Barack Obama que forneça armas aos grupos da oposição na Síria. A medida, apresentada pelo presidente do comitê, o senador democrata Robert Menéndez, foi aprovada com consenso bipartidário com 15 votos a favor e 3 contra.“Interesses vitais nacionais estão em jogo e não podemos vê-los de fora”, disse Ménendez, democrata por Nova Jersey. O senador John McCain, republicano pelo Arizona e muito crítico em relação à atuação de Obama no conflito na Síria, disse que a iniciativa aprovada “envia um sinal” ao governo que tem que envolver-se mais para pôr fim à crise no país.

O projeto de Menéndez autoriza o governo de Obama a fornecer armas de pequeno porte e treino aos grupos rebeldes sírios que têm “valores e interesses partilhados com os Estados Unidos”. A medida deve ir agora  para votação no plenário do Senado.

No ano passado, Barack Obama rejeitou uma proposta para armar grupos da oposição moderados que tinham o apoio da então secretária de Estado, Hillary Clinton, e do diretor da CIA (a agência de inteligência do país) na época, David Petraeus.

Da Agência Lusa  

Categorias: América do Norte, Política

Boletim diário

Digite seu endereço de e-mail para assinar o nosso serviço de notícias diárias.

Pesquisa

Dia da Não Violência

Dia da Não Violência

Informe Pressenza

Informe Pressenza

Caderno de cultura

Caderno de cultura

O Princípio do fim das armas nucleares

Documentário 'RBUI, o nosso direito de viver'

Canale YouTube

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

Arquivo

xpornplease pornjk porncuze porn800 porn600 tube300 tube100 watchfreepornsex

Except where otherwise note, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.