Obama: o mundo está ‘revoltado’ com a violência, Kadhafi ‘deve partir’

03.03.2011 - Trípoli - Radio Netherlands

*”No futuro, vamos continuar a enviar mensagem clara: a violência deve cessar. Muamar Kadhafi perdeu sua legitimidade e deve partir. Os que praticam violência contra os líbios deverão responder por seus atos. É preciso atender à aspiração do povo por liberdade, democracia e dignidade”*, acrescentou.

Ouvido, em seguida, sobre a possibilidade de ver os Estados Unidos agirem militarmente para pôr fim à crise, Obama afirmou ter à disposição *”um leque de opções, militares e não militares”*, precisou.

Afirmou, no entanto, que as decisões levariam em consideração *”o que for melhor para o povo líbio”*.

Obama também anunciou a aprovação do envio de meios para a realização das operações humanitárias, como parte da crise líbia, em particular, contribuindo com a ponte aérea levantada por europeus para retirar os refugiados.

*”Estamos nos preparando para responder com rapidez às necessidades humanitárias mais urgentes”*, precisou o presidente.

*”Aprovei, então, o uso de aviões militares americanos para ajudar os egípcios que fugiram através da fronteira tunisiana a voltar para casa”*, revelou Obama. *”Apoiamos igualmente os esforços das organizações internationais de retirar pessoas”*.

Por sua vez, o líder da maioria republicana na Câmara dos Representantes americana, Eric Cantor, informou em comunicado estar *”de acordo com o governo sobre o fato de que Kadhafi deve se demitir imediatamente”*.

Cantor também disse que os Estados Unidos devem ajudar a oposição ao coronel Kadhafi. *”É muito importante que saibamos do que a oposição líbia precisa, para restabelecer a ordem”*, disse ele, comprometendo-se a trabalhar com o governo em nome dos interesses da segurança nacional dos Estados Unidos.

Categorias: Africa, Internacional, Política

Boletim diário

Digite seu endereço de e-mail para assinar o nosso serviço de notícias diárias.

Pesquisa

Informe Pressenza

Informe Pressenza

Caderno de cultura

Caderno de cultura

O Princípio do fim das armas nucleares

Documentário 'RBUI, o nosso direito de viver'

Canale YouTube

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

Arquivo

Except where otherwise note, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.