Com expectativa, milhares de pessoas esperam o ato de encerramento da Marcha Mundial pela Paz

02.01.2010 - Mendoza - Nicolás Blanco

Às 10 horas, começaram a chegar ao Parque muitas pessoas provenientes de distintos pontos do mundo: hindus, africanos, espanhóis, chilenos, argentinos, italianos, tchecos, peruanos, finlandeses, entre outros. Enquanto esperavam o ato de encerramento da Marcha Mundial recorreram o lugar, visitando a Sala de meditação, o mirante, a Praça das Estelas, a ermita e a fonte.

Com o passar das horas, o conjunto de visitantes foi crescendo em sua diversidade, com expressões artísticas dispersas por todo o lugar: sobre uma colina, artistas plásticos fincaram quadros, improvisando uma exposição artística; em outro lugar do parque, malabaristas e percussionistas animavam as pessoas próximas; um grupo folclórico da coletividade boliviana, Kaypacha Manta, e representantes do povo Mapuche tocaram sua música exibindo seus trajes e danças típicas.

Um palco e duas torres de som em uma pequena colina, próximo ao monólito, será o lugar no qual, às 18 horas, os membros da equipe internacional da Marcha Mundial falarão: Rafael de la Rubia (Espanha), porta-voz da equipe; Bhairavi Sagar (Índia), Giorgio Schultze (Itália), porta-voz do Humanismo para Europa; Tony Robinson (Inglaterra) e Gemma Suzara (Filipinas). Falarão, também, Pía Figueroa, diretora da Pressenza, Agência Internacional de Notícias, Sandra Amor, organizadora da Marcha em Mendoza e, para finalizar, Tomás Hirsch, porta-voz do Humanismo para América Latina.

Juanjo Coscarelli, mendocino, integrante da comissão responsável pelo Parque Punta de Vacas, informou sobre a presença de cerca de 500 pessoas designadas como “ajudas” que orientarão os visitantes pelas diversas áreas do parque, as zonas de primeiros socorros e ambulâncias, como também sobre os cuidados a tomar devido à altura, já que a jornada se realiza a 2.500 metros do nível do mar.

Quanto a dificuldades, Coscarelli contou que o município da localidade de Las Heras não cumpriu seu compromisso de fornecer o palco, “tivemos que recorrer ao governo da província e conseguimos que se trouxesse um palco de Uspallata”.

Referindo-se ao encerramento da Marcha, comentou: “é um momento inspirador em sua máxima potencia, é a primeira marcha mundial na história da humanidade e faz parte da construção da Nação Humana Universal, me sento muito feliz e muito emocionado”. Abraham Lincoln, um jovem que viajou de Gana a Mendoza, declarou: “a Marcha Mundial está produzindo uma conexão fantástica entre as pessoas que se somaram ao projeto”.

Espera-se que durante a tarde continuem acontecendo diversas expressões artísticas, entre eles o Grupo Pangea, dirigido pelo coreógrafo brasileiro Sergio Berto, que também é um dos coreógrafos de Maximiliano Guerra. À noite, depois da fala dos oradores se apresentarão a orquestra de crianças Pequeñas Huellas, Marcial Aguirre, Victorio Menghi, o grupo de cumbia Mezclao, Imperio Diablo, Fauna e Dj Sy.

Localizado na Cordilheira dos Andes, um cenário imponente, o Parque de Estudo e Reflexão Punta de Vacas foi o lugar onde aconteceu, em 15 de novembro de 2008, o lançamento da Marcha Mundial pela Paz e Não-Violência, iniciativa do organismo do Movimento Humanista, Mundo sem Guerras, durante o 1° Simpósio Internacional do Centro Mundial de Estudos Humanistas “A Ética no Conhecimento”.

Categorias: Ámérica do Sul, Assuntos internacionais, Internacional

Boletim diário

Digite seu endereço de e-mail para assinar o nosso serviço de notícias diárias.

Pesquisa

Dia da Não Violência

Dia da Não Violência

Informe Pressenza

Informe Pressenza

Caderno de cultura

Caderno de cultura

O Princípio do fim das armas nucleares

Documentário 'RBUI, o nosso direito de viver'

Canale YouTube

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

Arquivo

xpornplease pornjk porncuze porn800 porn600 tube300 tube100 watchfreepornsex

Except where otherwise note, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.