Humanistas repudiam a ilegal prisão política de Lula

07.04.2018 - Sao Paulo, Brasil - Partido Humanista do Brasil

This post is also available in: Inglês, Espanhol, Francês, Italiano, Grego

Humanistas repudiam a ilegal prisão política de Lula
(Crédito da Imagem: Francisco Proner/ Farpa Fotocoletivo)
O movimento humanista internacional se opõe ao injusto mandado de prisão política do ex-presidente do Brasil, Luis Inácio Lula da Silva.
 
Denunciamos o Processo Kafkiano
Somos contra esta votação apressada, manipulada pela ministra Carmem Lucia, pressionada pelos meios de comunicação e por generais do exército que nem sequer seguiu os ritos normais do processo, simplesmente para tirar Lula da disputa eleitoral de 2018.
Denunciamos a Prisão Política
Somos contra este mandado de prisão ansioso e apressado demonstra o desespero das elites brasileiras em prendê-lo a todo custo antes de começarem os registros das candidaturas. Demonstra também o fracasso das elites, porque elas não possuem candidatos viáveis para defender sua agenda de retrocessos.
Denunciamos a Acusação sem Provas
Somos contra a insólita acusação baseada num rídiculo powerpoint e a confusa sentença de Moro que manda prender por “convicção” sem apresentar uma única prova concreta.
Denunciamos as Mentiras da Mídia
Somos contra o linchamento midiático liderado pela rede Globo de Televisão que desinforma, mentindo dia-e-noite para toda a população, manipulando a informação a serviço do golpe judicial e dos interesses norte-americanos.
Denunciamos a Propaganda da Netflix
Somos contra peças de propaganda disfarçadas de filmes e séries supostamente baseadas em fatos reais, que visam apenas distorcer os fatos para criar um falso relato histórico do momento atual, incitando ódio e confundindo a população.
Denunciamos a Intervenção Militar
Somos contra as ameaças proferidas por generais da reserva e da ativa, que pressionam pela prisão de Lula e que se calam diante da impunidade de Aécio, Temer, que silenciam diante do assassinato de Marielle Franco, relatora da comissão que iria investigar e acompanhar a intervenção militar no Rio de Janeiro.
Denunciamos o Autoritarismo Judicial
Somos contra as decisões arbitrárias e o tribunal excepcional que se estabeleceu em Curitiba através da Lava Jato, que serve para alimentar as mentiras da mídia, perseguir apenas os opositores políticos do neoliberalismo e as grandes empresas nacionais.
Denunciamos a Interferência Norte-Americana
Somos contra o acordo de cooperação celebrado entre departamentos dos EUA e os promotores da Lava Jato, que investigam apenas empresas brasileiras para abrir terreno para as multinacionais estrangeiras tomarem conta do país.
Denunciamos a Retirada de Direitos
Somos contra a diminuição das aposentadorias e a retirada de direitos trabalhistas, contra o fechamento de escolas e universidades, contra o congelamento por 20 anos para os investimentos em Educação, Saúde e Segurança social que este governo golpista está efetuando a serviço dos bancos e de multinacionais estrangeiras.
Denunciamos a Perseguição aos mais Pobres
Somos contra a incitação de ódio político contra a população pobre, negra e periférica utilizando o discurso de combate ao narcotráfico, num processo conhecido como “Mexicanização” do Brasil.
Denunciamos a Quebra da Democracia
Somos contra rasgarem a constituição de 88, e contra interrupção das eleições ao tentar tirar lula da disputa política. e nas novas regras eleitorais que diminuiram o tempo de campanha de 90 para 45 dias com objetivo de diminuir a renovação política nos parlamentos do país.
Denunciamos os Acordos Golpistas
Somos contra acordos com os setores golpistas em quem não se pode confiar, não temos porque acreditar que vão respeitar estes novos acordos se já descumpriram todos os acordos anteriores. É muita ingenuidade negociar a entrega do Lula acreditando que vão respeitar os acordos.
Vamos Pressionar os que Decidem
Para mudar a situação atual é preciso muita pressão popular e aprender a utilizar a metodologia da não-violência ativa de forma massiva e sistemática e exigir que minimamente se cumpra a constituição e se respeitem os direitos de todos.
Vamos Olhar para o Futuro
Nenhuma prisão vai encerrar o coração, as idéias e o espírito de uma pessoa como Lula que, apesar das muitas contradições de seu governo, fato que muitas vezes criticamos, não merece ser preso injusta e ilegalmente da forma que está sendo preso.
Vamos Gerar Frentes Amplas
No momento precisamos compreender o contexto atual e unir forças numa frente ampla contra o fascismo e o autoritarismo, que priorize formar bancadas fortes em todos os parlamentos e que tenha uma forte atuação nas periferias e no campo.
Desobedecer é Preciso
Resistir a uma prisão injusta é uma obrigação. Quem descumpriu a lei foi quem condenou sem provas, desrespeitando a constituição.
Quando a decisão é injusta, o correto é desobedecer.
—-
POSICIÓN DEL PARTIDO HUMANISTA DO BRASIL
Categorias: Ámérica do Sul, Humanismo e Espiritualidade, Nota de imprensa, Política
Tags: ,

Boletim diário

Indique o seu e-mail para subscrever o nosso serviço diário de notícias.


Milagro Sala

Canale youtube

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

Arquivo

Except where otherwise note, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.