POEMA

 

Peço licença aos Orixás e a Nossos Ancestrais

Peço benção aos Povos Guarani, aos da Africana Matriz

E a todo Ser Humano que no seu Coração

sinta que o toca a Deusa Compaixão.

 

Agradecemos às Comunidades do Acolhimento

À Mulher Negra, as Imigrantes e a Todas elas,

Angola que Dança e Lança

ao Vento, Suas Alegrias e Esperanças!

Ao Candomblé da Terra – À Umbanda de Ruanda.

 

Defendemos as Liberdades todas.

Escutemos a Terra!

Escutemos a Terra!

Para onde queremos ir?

A Cultura da Paz – Um Mundo Novo

 

A Resistência Justa contra tantas violências

Luz nos conflitos, a luz da Paz!

Não violência ativa, e muito dentro: Paz!

 

Passo a passo deixamos para trás

Racismos, Machismos e Egoísmos.

 

Transformação Profunda é o que Queremos!

 

Reconhecer os fracassos e o Bom conhecimento,

O Dom Feminino do Cuidado – O Melhor dos tratos

 

Diálogo – Respeito – Caridade

Proteção – Amor e Diversidade.

Caminhamos e Caminhos Somos

Sementes de um Mundo Novo

Isso Somos!


20/09/2020. Inspirada na 3ª. Caminhada pela Paz – 2020 – Cotia – SP