Temor de recessão global derruba bolsas e faz dólar disparar no Brasil

16.08.2019 - Deutsche Welle

Temor de recessão global derruba bolsas e faz dólar disparar no Brasil
Na Europa, a bolsa de Londres caiu 1,42%, a de Frankfurt recuou 2,19%

Moeda americana superou barreira dos R$ 4 e Banco Central retoma venda de dólares à vista, o que não acontecia desde 2009. Números decepcionantes das economias da Alemanha e da China pressionaram mercados.

A divulgação de dados econômicos decepcionantes da China e da Alemanha provocaram turbulências nos mercados financeiros de todo o planeta. No Brasil, o dólar comercial fechou acima de 4 reais pela primeira vez desde maio, e a bolsa de valores chegou a ficar abaixo dos 100 mil pontos em alguns momentos do dia.

Além disso, O Banco Central brasileiro anunciou que pretende vender dólares à vista das suas reservas internacionais, uma operação que não acontecia desde fevereiro de 2009, quando a economia global sofria com os efeitos de uma crise internacional.

A moeda americana encerrou esta terça-feira a 4,04 reais para venda, com alta de 0,074 (1,86%) em um dia.

No mercado de ações, o índice Ibovespa, da B3 (antiga Bolsa de Valores de São Paulo), fechou o dia com queda de 2,94%, aos 100.258 pontos. Por volta das 16h, o indicador chegou a ficar abaixo da barreira de 100 mil pontos, mas o ritmo de queda estabilizou-se nos minutos finais de negociação.

Mercados

Os mercados financeiros globais registraram fortes movimentos de fuga após a divulgação de que o Produto Interno Bruto na Alemanha recuou 0,1% no segundo trimestre em relação ao período anterior. Os dados alimentaram o temor que a maior economia da Europa esteja à beira da recessão.

Na China, segunda maior economia do planeta, a produção industrial cresceu 4,8% em julho sobre o mesmo mês do ano passado. Esse é o menor ritmo mensal de crescimento desde fevereiro de 2002. Influenciada pela queda nas compras de automóveis, as vendas no varejo na China cresceram 7,6% em julho, menos que o esperado.

Na Europa, a bolsa de Londres caiu 1,42%, a de Frankfurt recuou 2,19%, e a de Paris teve retração de 2,08%. Nos Estados Unidos, o índice Dow Jones, da bolsa de Nova York, caiu 3,05% nesta quarta-feira. Perdas nos mercados de países desenvolvidos levam os investidores a retirarem dinheiro de mercados emergentes, como o Brasil.

Categorias: Ámérica do Sul, Economia, Internacional
Tags: , ,

Boletim diário

Digite seu endereço de e-mail para assinar o nosso serviço de notícias diárias.

Pesquisa

 

Caderno de cultura

Cuaderno de cultura

O Princípio do fim das armas nucleares

Documentário 'RBUI, o nosso direito de viver'

Canale youtube

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

Milagro Sala

Arquivo

Except where otherwise note, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.