Órgão da ONU apoia programa Mais Médicos

28.07.2013 - Redação São Paulo

Órgão da ONU apoia programa Mais Médicos
(Crédito da Imagem: Imagem: Divulgação)

Organização Pan-Americana da Saúde afirma que outros países obtiveram bons resultados com projetos semelhantes. Para o órgão, o Brasil acerta nas iniciativas de levar médicos para comunidades afastadas.

A Organização Pan-Americana da Saúde, ligada à Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS), no Brasil informou que está acompanhando os debates nacionais sobre a situação da saúde no país. O órgão anunciou que vê com entusiasmo as recentes declarações do governo federal sobre o programa “Mais Médicos”.

Segundo a OPAS/OMS, as últimas medidas apresentadas são coerentes com resoluções e recomendações da Organização sobre cobertura universal em saúde. Além do fortalecimento da atenção básica e primária no setor de saúde e equidade na atenção à saúde da população.

Para o órgão ligado à ONU, o Brasil acerta nas iniciativas de levar médicos, em curto prazo, para comunidades afastadas. Também de criar, a médio prazo, novas faculdades de Medicina e ampliar o número de estudantes em regiões deficientes, uma vez que países com esses mesmos problemas já colhem resultados da implantação dessas medidas.

A Organização também afirma que, a longo prazo, a atuação dos estudantes de Medicina no SUS (Sistema Único de Saúde) por dois anos deve garantir, juntamente com o crescimento do sistema e outras medidas, maior equidade na saúde pública do país.

De São Paulo, da Radioagência NP, com notícia do Opera Mundi, Vivian Fernandes.

Categorias: Ámérica do Sul, Internacional, Saúde
Tags: , ,

Boletim diário

Digite seu endereço de e-mail para assinar o nosso serviço de notícias diárias.

Pesquisa

 

Caderno de cultura

Cuaderno de cultura

O Princípio do fim das armas nucleares

Documentário 'RBUI, o nosso direito de viver'

Memoria musical

Cineclube Marighella

Política e sociedade: EUA, Londres, Rio

Canale youtube

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

International Campaign to Abolish Nuclear Weapons

Milagro Sala

Arquivo

Except where otherwise note, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International license.